Submissões

Submissões Online

Já possui um login/senha de acesso à revista Revista Latinoamericana de Ciencias de la Comunicación?
Acesso

Não tem login/senha?
Acesse a página de cadastro

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso.

 

Diretrizes para Autores

1. Instruções gerais aos autores
1.1 O periódico recebe, em fluxo contínuo, trabalhos inéditos, em
autoria coletiva ou individual, escritos em português, espanhol ou
inglês. Esta revista apenas publica trabalhos assinados por
pesquisadores doutores. No caso de textos realizados de modo
coletivo, um dos coautores deve, necessariamente, ser pesquisador
doutor. Um autor, após publicar em um número da revista, deve
aguardar o interstício de um ano, antes de poder concorrer à nova
publicação no periódico.
1.2 Se o artigo tiver mais de dois autores, será obrigatório o
encaminhamento de uma nota aos editores, indicando a contribuição
de cada autor para o texto. A justificativa será analisada pelos
editores a quem caberá aceitar ou não a submissão do artigo.
1.3 Desde que enquadrados no Foco e Escopo do periódico e desde
que sigam as normas gerais e específicas para a submissão online, as
colaborações recebidas participarão de processo de avaliação com
análise e julgamento. Primeiramente os editores e a equipe editorial
verificam se os textos cumprem com os critérios formais instituídos
pelas normas da revista. Em seguida, os trabalhos, sem quaisquer
identificações de autoria, são avaliados por, no mínimo, dois
pareceristas, que pode ser do Conselho Editorial, ou ainda por
assessor ad hoc.
1.4 O trabalho submetido a esta revista não deverá estar em
avaliação em outro periódico. O envio dos originais implica a
aceitação do seguinte ponto pelos autores: o copyright do artigo,
incluindo os direitos de reprodução total ou parcial do mesmo em
qualquer formato, estarão reservados e cedidos à Revista
Latinoamericana de Ciências de la Comunicación.
1.5 As submissões são realizadas pelo(s) autor(es) por meio do site
da revista. O encaminhamento de um texto deve seguir os seguintes
passos:
Como começar
Você deve acessar o sistema com login e senha. Caso não possua
cadastro como autor, é necessário realizá-lo no sistema antes de

iniciar o processo de submissão de um texto. Se estiver cadastrado e
não lembrar sua senha, é possível recuperá-la pelo sistema.
Passos da submissão do artigo
Após acessar o sistema, você será levado à página do usuário. Na
função autor, clique em nova submissão.
Passo 1 – Iniciar submissão: escolha a seção adequada ao seu
tipo de texto. Verifique se sua submissão está em conformidade com
as “condições para submissão”, marcando as caixas de seleção. Caso
o seu texto não esteja de acordo com alguma dessas condições, a
equipe editorial se reserva o direito de não encaminhar o texto para o
processo de avaliação, recusando-o de imediato. Ainda neste passo 1
é possível, opcionalmente, fazer comentários ao editor. Salve e
continue ao passo 2.
Passo 2 – Transferência do manuscrito: Selecione o arquivo
completo e revisado; faça a transferência. Salve e continue ao passo
3.
Passo 3 – Metadados da submissão (Indexação): Preencha os
metadados da submissão. Ainda que não esteja como preenchimento
obrigatório, não deixe de colocar o “resumo da biografia” no campo
correspondente. Em trabalho coletivo, deve-se cadastrar o restante
dos autores; é preciso, neste caso, “incluir autor”. Caso tenha mais
de dois autores, não se esqueça de atender ao item 1.2 acima. Salve
e continue ao passo 4.
Passo 4 – Transferência de documentos suplementares: este
passo é opcional e, caso haja necessidade, você pode incluir
documentos suplementares ao seu trabalho. Para estes casos, o
passo de seleção e transferência dos arquivos é idêntico ao passo 2.
Para ir ao último passo, salve e continue.
Passo 5 – Confirmação: Após verificado e concluído os passos
anteriores, é o momento de concluir a submissão clicando no botão
correspondente.
 
2. Normas para a formação dos trabalhos
 
2.1 Artigos
 
2.1.1. Formatação geral

Os artigos devem ter no mínimo 20 mil caracteres (com espaços e
incluindo eventuais notas de rodapé, resumos com palavras-chave
nas três línguas (português, inglês e espanhol) e referências
bibliográficas) e no máximo 35 mil caracteres (com espaços e
incluindo eventuais notas de rodapé, resumos com palavras-chave
nas três línguas (português, inglês e espanhol) e referências
bibliográficas). O texto deve estar no formato Microsoft Word ou
OpenOffice, em página tamanho DIN A4 (21,0 cm x 29,7 cm), com
todas as margens laterais de 3 cm.
 
2.1.1.1 Elementos de identificação do texto
Na primeira página, nessa ordem, devem constar os seguintes
elementos textuais:
Títulos:
Em português, inglês e espanhol, nessa ordem, devem ser
integralmente em caixa alta com no máximo 100 caracteres (com
espaços), digitado em fonte Times New Roman de corpo 14 com
espaçamento simples entre as linhas, alinhamento justificado e sem
recuo de parágrafo. Os títulos, em nenhuma hipótese, devem conter
notas de pé de página, nem ser submetidos à negrito, itálico e
sublinhado.
Autor(es):
Nome completo, digitado em fonte Times New Roman de corpo 12
com espaçamento simples entre as linhas, alinhamento à direita e
sem recuo de parágrafo. Do último sobrenome, deve-se sair uma
nota de rodapé indicada por um asterisco (*) que contenha uma
breve síntese biográfica e vinculação do(s) autor(es). Com no
máximo 400 caracteres  (com espaços), estas informações devem
seguir o exemplo abaixo:
Para pesquisadores e doutores: Docente (ou pesquisador) da
Universidade X (Sigla). Doutor em Y pela Universidade Y. Seus
trabalhos mais importantes são: Y (2014), Z (2013). E-mail:
[email protected]
Para estudantes: Pós-doutorando (graduando, pós-graduando (para o
caso de alunos de cursos lato sensu), mestrando ou doutorando) na
Universidade Y (Sigla) (ou no Programa de Pós-graduação em Y da
Universidade Y (Sigla)). E-mail: [email protected]
Resumos:

Abaixo do(s) autor(es), é preciso colocar três resumos (em
português, inglês e espanhol, nessa ordem), com no máximo 650
caracteres (com espaços) cada um deles. Todos eles devem ser
digitados em fonte Times New Roman de corpo 12 com espaçamento
simples entre as linhas, alinhamento justificado e sem recuo de
parágrafo.
Palavras-chave:
Cada um dos três resumos é acompanhado de quatro palavras-chave
separadas por ponto-e-vírgula.
Atenção: caso o artigo seja redigido em espanhol ou inglês, a ordem
de apresentação dos títulos, dos resumos e das palavras-chave se
altera. Para os artigos redigidos em espanhol, a ordem dos títulos,
dos resumos e palavras-chave é a seguinte: em espanhol, em inglês
e em português. Para os artigos redigidos em inglês, a ordem dos
títulos, dos resumos e palavras-chave é a seguinte: em inglês, em
espanhol e em português.
 
2.1.1.2 Corpo de texto
Duas linhas abaixo das palavras-chave do último resumo, inicia-se o
corpo do texto, cujos elementos ou características são as seguintes:
Corpo do texto – formato geral:
Devem ser digitados em fonte Times New Roman de corpo 12, com
espaçamento simples entre as linhas, alinhamento justificado e recuo
de 1 cm no início dos parágrafos, com exceção das citações com
destaque e as notas de rodapé.
Os textos podem ser subdivididos em seções com subtítulos, os quais
devem ser formatados em fonte Times New Roman de corpo 12,
negrito, com espaçamento simples entre as linhas, alinhamento
justificado, sem recuo e numerados pelo sistema numérico arábico
(1, 2,...). A seguir, um exemplo de como numerar os subtítulos das
divisões de um artigo:
1. Comunicação de massa
1.1 Teorias da comunicação
1.1.1 As trocas e os fluxos
Negrito, itálico e aspas:

O uso do negrito é para se dar algum tipo de ênfase no texto e o uso
de itálico é para se destacar uma palavra estrangeira ou um título de
uma obra no todo que eventualmente possa estar indicada no texto
principal. Para os casos de uma música, um episódio de um programa
televisivo, um conto, um artigo científico, deve-se sempre colocá-los
entre aspas e sem itálico. Exemplos:
Em A produção social da escrita, Raymond Williams faz uma
sofisticada crítica sobre...
ou
Pode-se dizer, sem dúvida, que “Alegria, Alegria”, a canção de
Caetano Veloso, foi um dos marcos...
Citações no corpo de texto:
Essas citações devem ser indicadas no sistema autor-data.
(a) quando o nome do(s) autor(es) estiver(em) incluído(s) dentro do
corpo do texto, deve-se acrescentar a data da publicação entre
parênteses. Exemplos: Andrade (1987) ressalta que... ou De acordo
com Andrade e Barbosa (2012)...
(b) Quando a citação for indireta e o(s) autor(es) não estiver(em)
incluído(s) dentro da sentença no corpo do texto, deve-se indicar
entre parênteses o(s) sobrenome(s) do(s) autor(es), seguido da data
de publicação do trabalho. Até três autores, todos são citados, com a
separação entre eles por ponto-e-vírgula. No caso de haver mais de
três autores, escreve-se o nome do primeiro seguido de “et al”. Para
as citações de mais de uma obra, de um mesmo autor, quando
publicadas em um mesmo ano, deve-se colocar após a data, sem
espaço, uma letra minúscula respeitando a ordem alfabética – como,
por exemplo, (Gomez, 1999a) e (Gomez, 1999b). Exemplos: ...na
literatura francesa da virada do século XIX, foi imprescindível o fator
de profissionalização do escritor (Bourdieu, 1996)... ou A natureza do
materialismo está, intimamente, ligada à produção e à reprodução
das condições de existência dos homens como um todo (Engels;
Marx, 2007).
(c) Quando a citação for direta, ou seja, quando ela reproduzir as
mesmas palavras do(s) autor(es) citado(s), deve-se
obrigatoriamente, colocá-la entre aspas, seguida da indicação entre
parênteses de sobrenome(s) do(s) autor(es), data de publicação do
trabalho e número(s) de página(s). Exemplos: “A afirmação da
unidade do sistema constitui uma das contribuições mais válidas da
obra de Horkheimer e Adorno” (Martín-Barbero, 1997, p. 77). “Em
seu lazer, as pessoas devem se orientar por essa unidade que
caracteriza a produção” (Adorno; Horkheimer, 1985, p. 117).

Citações com destaque:
As citações diretas maiores que 3 linhas devem ser formatadas na
fonte Times New Roman de corpo 11, em itálico, com espaçamento
simples entre as linhas, alinhamento justificado e margem de 4 cm à
esquerda e sem aspas. Depois da citação, deve-se indicar entre
parênteses o(s) sobrenome(s) do(s) autor(es), data de publicação do
trabalho e número(s) de página(s) [até três autores, todos são
citados, com a separação entre eles por ponto-e-vírgula. No caso de
haver mais de três autores, escreve-se o nome do primeiro autor
seguido de “et al”. Para as citações de mais de uma obra, de um
mesmo autor, quando publicadas em um mesmo ano, deve-se
colocar após a data, sem espaço, uma letra minúscula respeitando a
ordem alfabética – como, por exemplo, (Gomez, 1999a) e (Gomez,
1999b)].
Notas de rodapé:
As notas de rodapé devem ser numeradas automaticamente pelo
sistema numérico arábico (1, 2, 3, ...), com formatação na fonte
Times New Roman de corpo 10, com espaçamento simples entre as
linhas, alinhamento justificado. Elas destinam-se para informações
explicativas ou esclarecimentos adicionais que não podem ser
incluídos no corpo do texto. Recomenda-se que as notas sejam
breves e reduzidas ao mínimo e ao indispensável. Indicações das
referências bibliográficas não devem estar inseridas nas notas e, sim,
no corpo principal do texto, conforme já apontado.
Quadros, tabelas e ilustrações:
Os quadros são utilizados para exposição de dados qualitativos de
pesquisas, quase sempre apresentados sob a forma textual e não
numérica. Já as tabelas são comumente utilizadas para dados
quantitativos, sob a forma numérica. As ilustrações, entre outras
coisas, podem ser um desenho, uma fotografia, um gráfico, um
mapa, um fotograma cinematográfico etc. Os quadros, as tabelas e
as ilustrações devem ser inseridos em alguma parte do corpo
principal do texto, sendo o mais próximo possível do trecho a que se
referem; devem ainda ter um título em sua parte superior e a
indicação da fonte na parte inferior. Se o quadro, a tabela ou mesmo
a ilustração for de elaboração do(s) próprio(s) autor(es), deve-se
indicar: “Fonte: Próprio(s) autor(es)”. Se houver mais de um quadro,
mais de uma tabela ou mais de uma ilustração ao longo do texto,
deve-se antes do título numerá-los, para em seguida colocar o ponto
final e o título correspondente. Exemplo: Quadro 1. As novas
teorias da comunicação ou Gráfico 1. Os oligopólios jornalísticos.
Quaisquer um desses elementos, utilizados pelo(s) autor(es), devem
ter excelente resolução e possuir qualidade compatível para a

realização de uma impressão profissional. Os autores
responsabilizam-se pela eventual necessidade de permissão para a
reprodução de tais figuras, devendo os autores respeitar as
legislações nacionais e as convenções internacionais em torno da
propriedade intelectual.
 
2.1.1.3 Referências citadas
Ao final do corpo do texto do artigo ou da comunicação científica,
devem ser listadas apenas as referências bibliográficas citadas no
texto. Devem ser arroladas em ordem alfabética na formatação em
fonte Times New Roman de corpo 12, com espaçamento simples
entre as linhas, alinhamento justificado e sem recuo no início dos
parágrafos.  A normatização dessas referências completas deve
seguir os exemplos abaixo:
Livros com até três autores (SOBRENOME, Nome do autor (se
houve mais de um, estes devem ser separados por ponto-e-
vírgula). Título da obra em itálico: subtítulo (se houver).
Edição, se não for a primeira. Tradutor (se houver). Local de
publicação: editora, data de publicação.):
ROUANET, Sérgio Paulo. Mal-estar na modernidade: ensaios. 2ª ed.
São Paulo: Companhia das Letras, 1993.
MARTÍN-BARBERO, Jesus. Oficio de cartógrafo: travesías
latinoamericanas de la comunicación en la cultura. México, D.F.:
Fondo de Cultura Económica, 2002.
MATTELART, Armand; MATTELART, Michèle. História das teorias da
comunicação. Trad. de Luiz Paulo Rouanet. São Paulo: Edições
Loyola, 2000.
Livros com mais de três autores (SOBRENOME, Nome do autor
principal et al. Título da obra em itálico: subtítulo (se houver).
Edição, se não for a primeira. Tradutor (se houver). Local de
publicação: editora, data de publicação.):
GONZALEZ, Maria Eunice Quilici et al. Ciências humanas em debate.
São Paulo: Cultura Acadêmica, 2013.
Livros organizados (SOBRENOME, Nome do organizador (se
houve mais de um, estes devem ser separados por ponto-e-
vírgula) (Org.). Título da obra em itálico: subtítulo (se
houver). Edição, se não for a primeira. Tradutor (se houver).
Local de publicação: editora, data de publicação.):

LIMA, Luiz Costa (Org.). Teoria da Cultura de Massa. São Paulo: Paz e
Terra, 2000.
Livro no formato e-book (a depender da autoria, a formatação é
idêntica às anteriores. Acrescenta-se ao final: Disponível em:
<colocar o endereço eletrônico de localização>. Acesso em: dia mês
(abreviado) e ano.):
 
ALENCAR, José de. Como e porque sou romancista. Rio de Janeiro:
Typ. de G. Leuzinger & Filhos, 1893. Disponível em:
<http://www.brasiliana.usp.br/bbd/handle/1918/00176100>. Acesso
em: 30 mar. 2015.
Capítulos de livros (SOBRENOME, Nome do autor. Título do
capítulo. In: SOBRENOME, Nome do organizador (se houve
mais de um, estes devem ser separados por ponto-e-vírgula)
(Org.). Título da obra em itálico: subtítulo (se houver). Edição,
se não for a primeira. Tradutor (se houver). Local de
publicação: editora, data de publicação. Página inicial e final
do capítulo.):
ROUANET, Sérgio Paulo. Iluminismo e barbárie. In:___. Mal-estar na
modernidade: ensaios. 2ª ed. São Paulo: Companhia das Letras,
1993. p.9-45.
ROCHA, Glauber. An esthetic of hunger. In: MARTIN, Michael (ed.).
New Latin American cinema. Detroit: Wayne State University Press,
1997. p.59-61.
Artigos de periódico científico (SOBRENOME, Nome. Título do
artigo. Título do periódico em itálico (abreviado ou não), cidade da
publicação, v. seguido do número do ano ou volume,  n. seguido do
número do fascículo, página inicial-final, mês abreviado, ano da
publicação.):
MARTÍN-BARBERO, Jesús. Razón técnica y razón política: espacios /
tiempos no pensados. Rev. Latinoamericana de Ciencias de la
Comunicación, São Paulo, v.1, n.1, p.22-37, jul-dez, 2004.
Caso esteja disponível online, deve-se acrescentar ao final:
Disponível em: <colocar o endereço eletrônico de localização>.
Acesso em: dia mês (abreviado) e ano.
Artigos publicados em imprensa (SOBRENOME, Nome. Título do
artigo. Nome do jornal ou revista, cidade de publicação, dia seguido

do mês abreviado. Ano. Número ou Título do Caderno, Seção ou
Suplemento, página inicial-final.):
VIEIRA, Fabricio. Bovespa sobe 2,87%, maior avanço em dois meses.
Folha de S. Paulo. São Paulo, 14 fev. 2007. Folha Dinheiro, p.12.
Teses e dissertações (SOBRENOME, Nome. Título em itálico:
subtítulo normal. Ano do depósito. Número total de páginas ou
volumes. Tipo de trabalho - locação: [Trabalho de Conclusão do
Curso (Graduação em...) (Especialização em...) / Dissertação
(Mestrado em...) / Tese (Doutorado em...) - Faculdade de... /
Instituto de...], Universidade, Cidade da defesa, ano da defesa.):
CANDIDO, Antonio. Parceiros do rio bonito: estudo sobre a crise nos
meios de subsistencia do caipira paulista. 226 f. Tese (Doutorado em
Sociologia) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas,
Universidade de São Paulo, São Paulo, 1954.
Artigos de internet (SOBRENOME, Nome. Título em itálico: subtítulo
normal. Disponível em: <endereço eletrônico>. Acesso em: dia
seguido do mês abreviado. Ano.):
ECO, Umberto. Para una guerrilla semiológica. Disponível em:
<http://www.nombrefalso.com.ar/apunte.php?id=16>. Acesso em: 3
jan. 2007.
Trabalhos publicados em anais de evento científico
(SOBRENOME, Nome. Título do trabalho. In: Nome do evento,
número da edição do evento, ano do evento. Título dos anais, do
caderno, das atas etc. Local de publicação: editora, data de
publicação, volume, página inicial e final referente ao trabalho
publicado.):
DIMAS, Antonio. Uma senhora inconveniente. In: Seminário
Internacional Novo Mundo nos Trópicos, 1, 2000. Anais do
Seminário Internacional Novo Mundo nos Trópicos. Recife:
Fundação Gilberto Freyre, 2000. v. 1, p. 299-302.
Produtos audiovisuais (TÍTULO. Diretor. Produtor. Local de
produção: produtora, data. Especificação do suporte em unidades
físicas. Elementos complementares à referência para melhor
identificar o documento.):
BLADE Runner. Direção: Ridley Scott. Produção: Michael Deeley.
Intérpretes: Harrison Ford; Rutger Hauer; Sean Young; Edward
James Olmos e outros. Roteiro: Hampton Fancher e David Peoples.
Música: Vangelis. Los Angeles: Warner Brothers, 1991. 1 DVD (117
min), widescreen, color. Produzido por Warner Video Home. Baseado
na novela “Do androids dream of electric sheep?” de Philip K. Dick.

Documento sonoro (SOBRENOME, Nome do compositor(es) ou
intérprete(s). Título. Local da gravação: Gravadora (ou equivalente),
data da gravação, especificação do suporte. Eventualmente, pode-se
acrescentar dados complementares à referência.):
FERRER, Ibrahim. Buenos Hermanos. New York, NY: World
Circuit/Nonesuch, 2003. 1 CD (56 min).
 
2.2 Entrevista
 
2.2.1 Formatação geral:
Realizada com uma personalidade acadêmica de grande projeção
internacional no campo da Comunicação na América Latina, a
entrevista deve ter no mínimo 20 mil caracteres (com espaços e
incluindo eventuais notas de rodapé e referências bibliográficas) e no
máximo 35 mil caracteres (com espaços e incluindo eventuais notas
de rodapé e referências bibliográficas). O texto, em Microsoft Word
ou OpenOffice, deve estar no formato de página tamanho DIN A4
(21,0 cm x 29,7 cm), com todas as margens laterais de 3 cm, com
texto digitado em fonte Times New Roman, corpo 12, justificado, com
espaçamento simples entre as linhas e recuo de 1 cm no início dos
parágrafos.
A entrevista é no formato pergunta e resposta. As perguntas não
devem utilizar, sob nenhuma hipótese, todas as fontes em caixa-alta
e devem estar em negrito, não havendo a necessidade de
identificação do entrevistador. As respostas também não devem
utilizar todas as fontes em caixa-alta. Também não é necessária a
identificação do entrevistado no início de cada resposta. Utiliza-se
itálico apenas para palavras estrangeiras. Eventuais destaques dentro
do texto – como subtítulos – devem ser colocados em negrito;
Título
Cada entrevista deve conter um título, centralizado, em português,
em inglês e espanhol, nessa ordem, todos em caixa-alta, em fonte
Times New Roman, corpo 14, com espaçamento simples entre as
linhas. Os títulos, em nenhuma hipótese, devem conter notas de pé
de página, nem ser submetidos à negrito, itálico e sublinhado.
Atenção: caso o artigo seja redigido em espanhol ou inglês, a ordem
de apresentação dos títulos se altera. Para os artigos redigidos em
espanhol, a ordem dos títulos é a seguinte: em espanhol, em inglês e

em português. Para os artigos redigidos em inglês, a ordem dos
títulos é a seguinte: em inglês, em espanhol e em português.
Breve biografia do entrevistado
Abaixo do título, após pular uma linha, deve haver o nome completo
do entrevistado e uma breve biografia, em no máximo 800 caracteres
(com espaços). Recomenda-se que, nesse texto biográfico,
contenham as ligações institucionais e acadêmicas do biografado, os
principais cargos e funções assumidos ao longo da carreira, além das
titulações e premiações conquistadas. Ainda se acrescenta, ao final, o
e-mail a ser divulgado.
Identificação do entrevistador
Abaixo da biografia do entrevistado, após pular uma linha, deve
haver o nome do entrevistador precedido pelo vocábulo “por”.
Também se deve acrescentar, abaixo do nome, uma breve biografia
do entrevistador, em no máximo 500 caracteres (com espaços).
Texto introdutório (opcional)
Antes das perguntas e das respostas, é facultado ao entrevistador a
inserção de um breve texto introdutório sobre a entrevista e/ou
entrevistado. Este texto deve conter no máximo 1200 caracteres
(com espaços).
Notas de rodapé
Notas de rodapé de página devem ser utilizadas apenas quando
imprescindíveis.
Referências citadas
Geralmente, este tipo textual dentro da revista, por ser uma
entrevista, não comporta citações e referências bibliográficas. Mas
caso seja necessário, deve-se utilizar as normas gerais de citação e
de formação das referências bibliográficas indicadas nos itens 2.1.1.2
e 2.1.1.3.
Fotografia
Além do texto da entrevista, deve-se também enviar, como
documento suplementar, uma foto digital, no formato JPEG ou JPG,
nas dimensões mínimas de 6 cm X 4 cm, em resolução mínima de
300 dpi.
 
2.3 Estudo

 
2.3.1 Formatação geral
O texto da seção Estudos deve ter no mínimo 20 mil caracteres (com
espaços e incluindo eventuais notas de rodapé, resumos com
palavras-chave nas três línguas (português, inglês e espanhol, nessa
ordem) e referências bibliográficas) e no máximo 35 mil caracteres
(com espaços e incluindo eventuais notas de rodapé, resumos com
palavras-chave nas três línguas (português, inglês e espanhol, nessa
ordem) e referências bibliográficas). O texto deve estar no formato
Microsoft Word ou OpenOffice, em página tamanho DIN A4 (21,0 cm
x 29,7 cm), com todas as margens laterais de 3 cm.
Títulos:
Em português, inglês e espanhol, nessa ordem, os títulos devem ser
integralmente em caixa alta com no máximo 150 caracteres (com
espaços), digitado em fonte Times New Roman de corpo 14 com
espaçamento simples entre as linhas, alinhamento justificado e sem
recuo de parágrafo. O título pode ser o nome do programa ou do
curso de pós-graduação em relato. Os títulos, em nenhuma hipótese,
devem conter notas de pé de página, nem ser submetidos à negrito,
itálico e sublinhado.
Autor(es):
Nome completo, digitado em fonte Times New Roman de corpo 12
com espaçamento simples entre as linhas, alinhamento à direita e
sem recuo de parágrafo. Do último sobrenome, deve-se sair uma
nota de rodapé indicada por um asterisco (*) que contenha uma
breve síntese biográfica e vinculação do(s) autor(es) com o programa
ou curso de pós-graduação relatado. Com no máximo 400 caracteres 
(com espaços), estas informações devem seguir o exemplo abaixo:
Docente (ou pesquisador ou coordenador) do Programa de Pós-
graduação em Y, da Universidade X (Sigla). Doutor em Y pela
Universidade Y. Seus trabalhos mais importantes são: Y (2014), Z
(2013). E-mail: [email protected]
Resumos:
Abaixo do(s) autor(es), é preciso colocar três resumos (em
português, inglês e espanhol, nessa ordem) sobre o programa ou
curso de pós-graduação relatado, com no máximo 650 caracteres
(com espaços) cada um deles. Todos eles devem ser digitados em
fonte Times New Roman de corpo 12 com espaçamento simples entre
as linhas, alinhamento justificado e sem recuo de parágrafo.

Palavras-chave:
Cada um dos três resumos é acompanhado de quatro palavras-chave
separadas por ponto-e-vírgula.
Atenção: caso o artigo seja redigido em espanhol ou inglês, a ordem
de apresentação dos títulos, dos resumos e das palavras-chave se
altera. Para os artigos redigidos em espanhol, a ordem dos títulos,
dos resumos e palavras-chave é a seguinte: em espanhol, em inglês
e em português. Para os artigos redigidos em inglês, a ordem dos
títulos, dos resumos e palavras-chave é a seguinte: em inglês, em
espanhol e em português.
Corpo do texto principal:
Fica a critério do(s) autor(es) a subdivisão dos textos. Sugere-se, no
entanto, que os textos, em relação ao programa ou curso de pós-
graduação, devam abordar o (1) histórico e origem; (2) linhas de
pesquisa e áreas de pesquisa; (3) Corpo docente; (4) grupos de
pesquisa formados; (5) formas de atuação no contexto local, nacional
e internacional no campo da Comunicação; (6) Pesquisas individuais
e coletivas resultantes; (7) perspectivas e planejamento para os
próximos anos.
Caso seja necessário o uso de referências bibliográficas, deve-se
utilizar as normas gerais de citação e de formação das referências
bibliográficas indicadas nos itens 2.1.1.2 e 2.1.1.3.
 
2.4 Resenha
2.4.1 Formatação geral
As resenhas, cujos objetos são obras do campo da Comunicação
publicadas nos últimos 24 meses, devem ter no mínimo 7,5 mil
caracteres (com espaços e incluindo eventuais notas de rodapé,
resumos com palavras-chave nas três línguas (português, inglês e
espanhol) e referências bibliográficas) e no máximo 15 mil caracteres
(com espaços e incluindo eventuais notas de rodapé, resumos com
palavras-chave nas três línguas (português, inglês e espanhol) e
referências bibliográficas). O texto deve estar no formato Microsoft
Word ou OpenOffice, em página tamanho DIN A4 (21,0 cm x 29,7
cm) e com todas as margens laterais de 3 cm.
O(s) autor(es) deve(m) seguir os mesmos elementos de identificação
do item 2.1.1.1. Duas linhas após estes elementos, após as palavras-
chave, acrescenta-se a referência completa da obra resenhada
(segue-se o modo de formatação do item 2.1.1.3).

Para o corpo do texto principal, é necessário seguir as mesmas
normas de formatação do item 2.1.1.2.

 

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  1. A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação em outra revista. Deve-se ressaltar que uma das condições para a submissão de um trabalho para a revista leva-se em conta que este não esteja, sob nenhuma hipótese, sendo avaliado por outro periódico, nem esteja em processo de revisão e nem será enviado a outra revista até receber um eventual julgamento negativo da arbitragem pertinente.
  2. O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word ou OpenOffice.
  3. Exceto, na primeira página, quando se solicita a identificação do(s) autor(es), todas as marcas que identificam o(s) autor(es) foram apagadas ao longo do texto e do arquivo a ser submetido.
  4. Conforme a categoria de texto escolhida, o texto segue, absolutamente, os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista. Além disso, foi verificado que o texto se enquadra no Escopo e Foco da revista.
  5. Há pelo menos um pesquisador doutor como autor do trabalho.
  6. O autor que tiver o artigo aceito e publicado compromete-se a,
    eventualmente, contribuir como parecerista ad hoc.

 

Declaração de Direito Autoral

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:

    1. Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.

    1. Autores têm autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não-exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista (ex.: publicar em repositório institucional ou como capítulo de livro), com reconhecimento de autoria e publicação inicial nesta revista.

  1. Autores têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho online (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal) a qualquer ponto antes ou durante o processo editorial, já que isso pode gerar alterações produtivas, bem como aumentar o impacto e a citação do trabalho publicado (Veja O Efeito do Acesso Livre).

 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.