ALÉM DAS FRONTEIRAS: A LIGA ANDALUZA DE LETRAS ÁRABES NO BRASIL DO SÉCULO XX

Guilherme Curi

Resumo


Ao atentarmos para história da literatura e do Renascimento Árabe Moderno - al-Nahda
- observamos que os momentos mais decisivos acontecem na diáspora, mais precisamente
no Brasil no começo do século XX. O principal representante desse movimento é a Liga
Andaluza de Letras Árabes, composta por intelectuais imigrantes sírio-libaneses. No
novo território, os árabes depararam-se com uma cultura na qual já circulavam algumas
representações estigmatizadas. No entanto, através da literatura mahjar (estado de migração,
em árabe), eles encontraram um meio de desconstruir estas representações e recriar
memórias, apresentadas e discutidas neste artigo.
PALAVRAS-CHAVE: MIGRAÇÕES TRANSNACIONAIS; LITERATURA ÁRABE; HISTÓRIA DA MÍDIA; MEMÓRIA.


Texto completo:

PDF